Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Independente A máquina de triturar políticos

O dia em que Passos, Rio e Sócrates passaram no mesmo exame

Parece confuso, mas não é. Já se sabe que, nos idos de 90, O Independente em geral e Paulo Portas em particular não eram fãs da Europa unida. O tema era de interesse público, mas de pouco interesse do público. Bem, de todo o público também não. Os leitores do Indy eram bem instruídos pelas crónicas do diretor sobre os avanços e recuos que se davam lá mais para o centro da Europa e nas páginas do jornal colecionavam argumentos contra esse aprofundamento europeu.

Ano de 1992, O Independente decidiu medir o pulso a trinta deputados sobre o Tratado de Maastricht. Na semana em que a Assembleia da República aprovou o "tramado de Maastricht", o Indy fez um teste aos conhecimentos dos parlamentares. Os deputados submetidos ao questionário foram escolhidos a dedo. A variedade era apregoada: o teste era para deputados "urbanos e rurais", "presumidos e humildes". Era uma espécie de exame oral com direito a consulta.

O resultado "foi deprimente". Safaram-se os jovens deputados José Sócrates, Pedro Passos Coelho e Rui Rio. Houve um que acertou "por acaso", depois de andar a mostrar a fotos do casamento a outros deputados e demonstrava ser "um homem de sorte"; outro era "óasis no deserto parlamentar" e acertou porque "sabia o essencial" e o terceiro foi "conciso, completo e claro" e foi "o único com uma resposta que brilharia na prova". Quem é quem? Descubra nas página do livro.

Mas como não somos maldosos, aqui deixamos a primeira página, que deu muito que falar. "Chumbados". O título era garrafal, mas era o que menos interessava. Afinal, foi o dia em que o Indy pôs na capa burros onde devia haver deputados.

FullSizeRender.jpg

 

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D